OFICINaS

Gisela Volá /Argentina

1579-2-1024x704.jpeg

Gisela Volá (1978) Fotógrafa, professora, curadora e produtora cultural. Integrante da Cooperativa Sub, Vist Project, Women Photograph, Foto Féminas. Nominadora 6x6 Global Talent Program del World Press Photo.
• Estudos Estudou Cinema na UNLP (Universidad Nacional de La Plata) e no IDAC (Instituto de Arte Cinematográfico de Avellaneda), Mestre em Jornalismo Documental pela UNTREF (Universidad Tres de Febrero), em Buenos Aires. Fez mentoria com Adriana Lestido, Emir Kusturica, Márcos López y Joan Fontcuberta.
• Docencia. Atualmente é docente no curso de Mestrado de Fotografía de EFTI (Centro Internacional de Fotografía y Cine) Madrid, España. 2019/2020. Tutora de MUFF, programa de fotografia do CDF (Centro de fotografía de Montevideo, Uruguai) 2020/2021, Tutora do Laboratório de pesquisa e criação visual na plataforma educativa Sub, Argentina, Programa de Mentoria Women Photograph 2020/2021
. Premios. Primeiro prêmio do POYLATAM Picture of the year Latinoamérica (2019/ 2011/ 2012), Primeiro prêmio da Bienal de Arte de Cuenca, Equador 2009, Primeiro prêmio No es igual, no da igual, organizado por La Defensoría General de la Ciudad a través del Programa de Gênero da Secretaria Geral de Direitos Humanos (2013), entre outros.
· Exposições. Women Photograph Workshop - América Latina, Quito, Ecuador (2019), FOLA, Fototeca Latinoamericana Buenos Aires, Argentina (2018). Centro de Fotografía de Montevideo, Uruguai (2018, 2011). C.C. Recoleta Buenos Aires, Argentina (2015), Centro Cultural Kirchner Buenos Aires, Argentina (2015), J. Paul Getty Museum, Los Angeles, EEUU (2015), Hydra, DF México (2017), Musée du Quai Branly Paris, França (2014), Galería ArtexArte.

colectivo las niñas /chile

colectivo_las_niñas.jpg

Colectivo Las Niñas (Chile) é um grupo de fotógrafas formado no começo de 2012, composto por Macarena Peñaloza, Marcela Bruna e Pilar Díaz. Surge com a finalidade de criar espaços, falar sobre fotografia e ao mesmo tempo elaborar projetos fotográficos através de diferentes metodologias que abrangem o desenvolvimento de projetos individuais e coletivos, intervenções, oficinas e encontros de fotografia.

Fernanda Magalhães /brasil

Fernanda Magalhães (1962, Londrina, PR, Brasil). Artista, Fotógrafa e Performer. Fotógrafa e Professora de Artes na Universidade Estadual de Londrina (1986-2020). Pós-doutora pelo LUME - Núcleo Interdisciplinar de Pesquisas Teatrais da Unicamp (2016) com o projeto Grassa Crua. Doutora em Artes pela UNICAMP (2008) com o projeto Corpo Re-Construção Ação Ritual Performance. Recebeu o VIII Prêmio Marc Ferrez de Fotografia 1995 Minc/Funarte pelo Projeto A Representação da Mulher Gorda Nua na Fotografia. Publicou os livros Corpo Re-Construção Ação Ritual Performance (2010) e A Estalagem das Almas, em parceria com a escritora Karen Debértolis (2006). Suas obras integram os acervos de instituições como a Maison Europèene de la Photographie em Paris, França; o Museu Oscar Niemeyer em Curitiba; a Coleção Joaquim Paiva de Fotografia Contemporânea no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro e o Acervo do Projeto Armazém, Florianópolis, SC.

ROBERTA BARROS /brasil

Roberta Barros é mãe da Manuela e da Luisa, é artista visual, pesquisadora e professora, autora do livro Elogio ao Toque: ou como falar de arte feminista à brasileira (2016), fruto de pesquisa vencedora do Prêmio Gilberto Velho de Teses (2015). Em 2016, foi responsável pela organização de conteúdo e curadoria dos seminários e festivais de performance Como falar de arte feminista à brasileira, realizado no Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica, e Diálogos sobre o feminino: contextos brasileiros nas artes (visuais), realizado nos Centros Culturais do Banco do Brasil no Rio de Janeiro, em São Paulo e em Brasília. 
De 2014 a 2017 produziu e participou do projeto selecionado no edital Viva a Cultura da Secretaria Municipal de Cultura do Rio de Janeiro Arte, Mulher e Sociedade - residência artística em maternidade pública, no Hospital da Mulher Heloneida Studart, em São João de Meriti/Rio de Janeiro, desenvolvendo trabalhos de escuta e de performance que envolveram temáticas como violência obstétrica, violência institucional, direitos humanos, racismo, violência contra a mulher.
Mestre e doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da EBA/Universidade Federal do Rio de Janeiro/Brasil, em julho de 2017, concluiu pós-doutorado no Departamento de Arte (GAT) do Instituto de Arte e Comunicação Social (IACS) da Universidade Federal Fluminense (UFF), com bolsa do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Yara Schreiber Dines /brasil

Pós-doutora em Fotografia e Artes Visuais pela Universidade de São Paulo. Doutora em Antropologia Social pela Pontifícia Universidade Católica e mestre em Antropologia Social pela Universidade de São Paulo. Autora do livro Cidadelas da Cultura no Lazer - uma reflexão em antropologia da imagem do Sesc São Paulo (Ed. do Sesc São Paulo, 2013), de Hildegard Rosenthal e Alice Brill, fotógrafas de além-mar – cosmopolitismo e modernidade nos olhares sobre São Paulo (Ed. Intermeios, no prelo) e de Fotógrafas Brasileiras – Imagem Substantiva (Ed. Grifo, no prelo). É também professora universitária e curadora de exposições. Membro integrante do Coletivo Fotógrafos pela Democracia (SP).

Isabella Valle /brasil

Isabella (Bella) Valle é fotógrafa, curiosa, feiticeira e feminista. Graduada em Jornalismo, mestra em Comunicação e Semiótica, doutora em Comunicação, é pesquisadora e professora do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e do Departamento de Comunicação da Universidade Federal da Paraíba. Foi pesquisadora convidada do AIAC (laboratoire art des images et art contemporain) da Université Paris 8; coordena o TATO - laboratório de pesquisas em imagens, corpos e afecções; co-coordena o projeto Partejar Potiguara; e é editora da revista científica Culturas Midiáticas. Integra o coletivo de fotógrafas 7fotografia, o coletivo de intervenções urbanas e ativismo digital feminista Deixa Ela em Paz e o Grêmio Anárquico Feminístico Essa Fada.

EFFEM /CHILE

EFFEM | @e_ffem

Encontro Fotográfico Feminino, que visa gerar uma instância de formação, reflexão, percepção e valorização face a face entre as mulheres, envolvendo a vivência pessoal na área das artes, principalmente da Fotografia. São residências artísticas realizadas em Valparaíso, que durante um fim de semana, dinâmicas de acompanhamento surgem na criação coletiva e individual das participantes. Tudo organizado por um grupo de profissionais ligadas à prática artística fotográfica.

Devido à Pandemia - Covid - 19, experimentamos o formato online, levando nossa experiência de residência para o virtual, onde o objetivo é nos encontrarmos através da tela, e transmitir nossos sentimentos/pensamentos para criar uma obra fotográfica no espaço/tempo que estamos habitando.

BIOGRAFIAS | Equipe EFFEM

Loreto Vergara Gálvez | Fotógrafa e Jornalista | @loretovergarag

Iniciei meus estudos profissionais em fotografia profissional no Instituto Profissional Arcos de Santiago do Chile (2009-2012). Posteriormente, ingressei na Universidad Academia Humanismo Cristiano onde estudei e me formei em Jornalismo e Comunicação Social em 2018.

Meus projetos fotográficos revelam grande interesse pelas questões sociais, incluindo a migração, a velhice, a deficiência e a prostituição como eixos centrais. No âmbito da minha carreira, na área fotográfica, tive oportunidade de realizar exposições colectivas e individuais em diversas galerias, centros culturais e museus em território nacional.

Cofundadora do EFFEM (Encontro Fotográfico Feminino) desde 2019, grupo que visa gerar instâncias de reflexão, percepção e valorização entre as mulheres, envolvendo experiências pessoais na área das artes, principalmente a fotografia através de residências e encontros.

Verónica Garay Reyes | Fotógrafa, Escritora e Designer Gráfica | @ v.garayreyes
(Bs As. Arg. 1989). Fotógrafa, escritora e designer gráfica, residente em Santiago do Chile. Em seu trabalho explora a imagem como território íntimo e coletivo com o intuito de um encontro emocional com a paisagem, um corpo, uma experiência que pode se materializar a partir de uma linguagem analógica e digital. Membro ativa do coletivo de fotógrafas de Granada, de 2017 até à presente data. Em 2019, junto com um grupo de colegas, formou o Encontro Fotográfico Feminino (EFFEM) de Valparaíso, um espaço de criação e reflexão feminina com foco nas artes e na fotografia.

Carolina Agüero | Fotógrafa e Artista Visual | @photography_aguero

Nasceu em 1986 no sul do Chile. Em 2008 instalou-se na cidade de Valparaíso para estudar fotografia no Instituto Profissional ARCOS de Viña del Mar, em 2020 estudou na Escola Cámara Lúcida em Valparaíso. De 2009 até hoje ela teve a oportunidade de expor em mostras individuais e coletivas, ela também deu várias entrevistas em plataformas digitais (Chile, Brasil, Argentina, EUA, Nova York e Arizona, Itália, Espanha, Alemanha e França). Atualmente ministra aulas e workshops, Baj Balmaceda Arte Joven Valparaíso, escolas.

2013 - 2014 Participou do Leilão: Latin American Living Artists, EUA Miami.
2020 BAphoto Live Feira internacional especializada em fotografia.
2017 está na rede foto-feminina, que se dedica a divulgar os fotógrafas latinoamericanas e caribenhas. Atualmente pertence ao coletivo; A Culebra Colectiva, também faz parte da equipa EFFEM - Encontro Fotográfico Feminino.
2019 é representado pela Galeria Judas.
Foi selecionada e venceu de vários concursos de arte e fotografia, um dos mais importantes; Prêmio de Honra 2015 XXXVII Concurso Nacional de Arte
Young, Universidade de Valparaíso.
2018 1º LUGAR Categoria Retrato FotoPrensa Chile.
Foi indicada para o Programa de Talento Global 6x6 da World Press Photo 2019/Nomeação da Masterclass world press photo 2020.

Nathaly Arancibia Vergara | Fotógrafa e Gerente Cultural | @nathalyarancibia

Como fotógrafa, desenvolve-se na área cultural, artística, teatral e musical do Chile, promovendo através da imagem os projetos de diversos artistas do território chileno. Ela também faz fotografia autoral focada no nu feminino e trabalha coletivamente com as mulheres para se conectar com a emoção, a liberdade e o amor-próprio que cada uma vivencia.
Diretora da EFFEM - Encontro Fotográfico Feminino que visa reunir diversosa fotógrafas nacionais e internacionais para colocar em prática diferentes conceitos e temas para trabalhar, formando e promovendo o trabalho em equipe e gerando novos e grandes vínculos entre mulheres interessadas na área da fotografia.

Integra equipas de gestão, produção e comunicação em: Teatro Ictus, Encontro IMESUR, NUAC - Núcleo de ativação cultural, entre outros.

María Belén Correa /ARGENTINA

.